07/03/2013

Casa da Árvore de Goiânia ministrará oficina para formação de Vjs em Macapá

Territórios do Remix: VJclips

A oficina* aborda de maneira ampla a Cultura do Remix desde diversas proximações e aplicações artísticas, tecnológicas e educativas, contemplando as linguagens, técnicas e ferramentas do DJ e VJ** envolvidas na criação de um remix audiovisual em performances ao vivo, transmitidas pela internet ou na produção de VJclips.

O objetivo é incentivar a produção de peças multimídia com linguagem de VJ para transmissão online, traçando um panorama sobre diversas experiências artísticas multimídia e facilitando os processos criativos e técnicos envolvidos na produção de um VJclip, promovendo a experimentação.

Partindo dos conceitos básicos de loop e sampleagem até a re-mesclagem em tempo real de conteúdos audiovisuais próprios ou apropriados, modificados ou gerados ao vivo, projetados no lugar ou à distância. A partir dessas experiências colaborativas abertas se criam narrativas híbridas, práticas presentes no VJing, intervenções urbanas, videoclips, mashups, memes, séries da internet, e ocasionalmente na TV.

Dias:
18 e 19 de março (manhã e tarde)

Carga-horária:
8 horas (+ 8 horas de laboratório)
Número de vagas:
20 (+5 lista de espera)
Pré-requisitos:
Conhecimentos básicos de computador e internet

Inscrições:
aldrin@aldrin.com.br

* Os alunos podem levar seus próprios computadores, periféricos e programas de áudio, vídeo, DJing e VJing.


**VJ (pronuncia-se em inglês ví-djei) ou "vídeo jockey" é a denominação para os profissionais que trabalham com vídeo.
O VJ é um vídeo-performer é a sua atividade, o VJing, é uma forma de expressão artística relativamente nova. Ela se refere a uma apresentação ao vivo, improvisada ou não, de manipulação de imagens. O termo VJ, vídeo-jóquei surgiu originalmente no início dos anos 80, nos Estados Unidos para denominar os apresentadores de videoclipes em TV americana. Mas foi em meio à cultura eletrônica, no início dos anos 90, que O VJ, ou vídeo-jóquei, manipulava imagens ao vivo, buscando uma interação com a música, o público e o ambiente, geralmente em festas de música eletrônica.
Assim como o DJ mistura músicas, o VJ mistura imagens, manipulando e misturando as imagens eletrônicas ao vivo, interagindo com a música, o público e o ambiente; criando uma atmosfera hipnótica. As imagens selecionadas e projetadas pelo VJ tocam a subjetividade do espectador, influenciando e interagindo com as suas sensações e sentimentos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...