01/08/2013

O Som do Mutum!




O SOM DO MUTUM! Entenda como foi construída a trilha para o filme Mutum, nosso filme deste sábado (3) no Clube de Cinema.

"Construiu-se (...) a trilha acústica (e não trilha sonora), composta de sons do lugar, do interior de Minas Gerais"

"O som, neste filme, provoca em nós a afecção (afeto, em oposição à ação de outros filmes comerciais) e faz com que nos emocionemos redobradamente com a história do menino Miguilim."



"MUTUM, trata-se de uma adaptação da obra literária de João Guimarães Rosa, “Campo Geral”. Em entrevista, a diretora afirma que aqueles que se inspiram na obra de Rosa para fazer cinema muitas vezes tentam explorar a linguagem do escritor. No caso de “Mutum”, decidiu-se trilhar outros caminhos, entre eles, o da sonoridade. Construiu-se, assim, algo que a roteirista Ana Luiza B. Martins Costa e a diretora chamam de trilha acústica (e não trilha sonora), composta de sons do lugar, do interior de Minas Gerais, espaço escolhido para a filmagem. Isto chama a atenção de quem vê o filme e, no meu caso, provocou um desejo de mapear essa geografia sonora (SCHAFER, 2001), observando de que maneira essa escolha contribui para a construção do filme como um todo."

Texto na íntegra em:http://www.socine.org.br/anais/2010/pg/davina-marques-explorando-som-do-mutum.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...