30/11/2015

03 de dezembro: MOSTRA FÔLEGO!



Mostra que carrega o apelo de uma das mais fortes expressões amapaenses. A expressão "Fôlego!" é usada para denotar espanto, surpresa, admiração... E aqui ela dá nome à mostra que é dedicada à produção audiovisual amapaense.  Este ano foram inscritas 18 produções amapaenses, sendo oito selecionadas para compor a Mostra e concorrer ao Prêmio Gengibirra de Audiovisual. 2015 é o primeiro ano que o FIM realiza uma mostra competitiva entre filmes amapaenses, e na ocasião a produção vencedora receberá o Prêmio e mais R$ 1.000,00 de incentivo.
Apesar dos mais de 10 anos de FIM a participação do audiovisual local se mostra ainda muito tímida no Festival.  A intenção é que a seleção e premiação possam estimular os realizadores independentes do estado a mostrarem mais seus trabalhos ao público e, ao mesmo tempo, melhorarem tecnicamente. Aliado a isto, fazer com que o audiovisual amapaense “ocupe” de maneira mais efetiva sua “cadeira cativa” no festival e o assimile como espaço de distribuição para a produção local que além de dar visibilidade oferece ótimas oportunidades para diálogos e trocas de conhecimento.   
O vencedor do Prêmio Gengibirra de Audiovisual será definido pela somatória de cinco votos: voto do público, curadoria do FIM, realizador audiovisual e mestre em Ciência da Arte Nycolas Albuquerque e diretores convidados Camilo Cavalcante e Leonardo Cata Preta. A etapa da votação popular acontece após a Mostra Fôlego!, quando o público presente poderá votar nos filmes concorrentes.
Para não perder o ritmo, o encerramento é com o Relatos de Rua, grupo de rap amapaense formado pelos MC'S Jomar Quaresma, Cleide Queiroz e DJ Rogério, que tem como proposta levar para os palcos a seriedade das letras politizadas e batidas pesadas, informação e palavra de autoestima para jovens em vulnerabilidades social.
O resultado da votação e a entrega do Prêmio acontecem durante a festa de encerramento do XII FIM, dia 06 de dezembro.

Filme: STEREOVITROLA - EXPERIÊNCIAS COM MODELO ANIMAL
Diretor: Daniel Nec
Ano: 2014
Duração: 4’37”
Origem: Macapá - AP
Classificação: Livre
Sinopse: vídeo clipe que trata do reflexo misantropo da passagem cósmica de um ser humano e suas tendências esquizoides a construir uma imagem fragmentada de suas memórias em contraponto a sua estadia não intencional numa floresta equatorial.

Filme: CHURRASCO NA PRAÇA
Diretor: Allan Flexa
Ano: 2015
Duração: 05’42”
Origem: Macapá - AP
Classificação: 16 anos
Sinopse: "Churrasco na Praça" é um vídeo clipe de MC Doido, Cabrero e do cantor Gibson Judah. com a proposta de incentivar os amigos a se reunirem nas praças públicas para fazer um churrasco, acompanhado de um bom vinho e fazer bastante fumaça para se comunicar com nossos sentimentos profundos.

Filme: TURMA, HOJE TEM ARQUEOLOGIA!
Diretor: Iris Moraes
Ano: 2015
Duração: 28’
Origem: Macapá - AP
Classificação: Livre
Sinopse: A arqueologia no Amapá, em meio a um processo de transformação constante das paisagens amazônicas, tem vivenciado novas experiências e estudos. Apesar disso, ainda é um desafio a socialização do conhecimento arqueológico. Nesse ínterim, a comunidade acadêmica, institutos de pesquisas e a sociedade, devem buscar caminhos e um novo olhar acerca da profissão do arqueólogo, do ensino de arqueologia, e dos rumos da pesquisa arqueológica na Amazônia. Este documentário tem como finalidade apresentar os relatos de discentes e pesquisadores sobre o conceitos básicos de arqueologia, possibilidades interdisciplinares de pesquisa, vivências pedagógicas extraclasse, sejam durante vistas a laboratórios ou a sítios arqueológicos em escavação.

Filme: PARANÓIA
Diretor: Rodrigo Santos de Souza
Ano: 2015
Duração: 5’
Origem: Macapá - AP
Classificação: 10 anos
Sinopse: "Minha paranoia não tem nome. Não matei ninguém com a minha fome. Os monstros que eu vejo são reais. O teu gozo na minha boca é o que me faz voraz". Uma poesia de Mary Paes.

Filme: SANTO CAVALEIRO – A FESTA DE SÃO TIAGO DE MAZAGÃO VELHO
Diretor: Gavin Andrews
Ano: 2012
Duração: 44 min
Origem: Mazagão Velho – AP
Classificação: Livre
Sinopse: Em 1769, a população da colônia portuguesa de Mazagão, na costa marroquina do continente Africano, abandonou a cidade fortificada que defendia contra as investidas dos mouros por mais de dois séculos, transferindo-se para a Amazônia Brasileira. Atualmente, a pequena vila de Mazagão Velho no Amapá se mobiliza todo ano no mês de julho para homenagear seu santo maior com tiros, cavalaria e a remontagem da lendária batalha entre mouros e cristãos, no evento considerado a maior manifestação cultural do estado.

Filme: CAFÉ FOTOGRAFIAS
Diretor: Sady Menescal
Ano: 2015
Duração: 2’36”
Origem: Macapá - AP
Classificação: Livre
Sinopse: Clipe "café fotografias" da banda Nume. Trata do amor pela fotografia, da sensibilidade e brincadeira visual que é o ato de fotografar.

Filme: AGORA JÁ FOI
Diretor: Manuela Oliveira
Ano: 2015
Duração: 19’
Origem: Macapá - AP
Classificação: 12 anos
Sinopse: “Agora já foi” é um curta-metragem espírita produzido em linguagem jovem que aborda o suicídio e aborto. Ana, uma adolescente, vivencia uma gravidez inesperada junto com seu namorado Eduardo. A trama se desenrola entre o conflito de interromper a vida, através do aborto, ou a permissão em receber o filho concretizando sua reencarnação para a vitória do dom mais precioso, a vida!

Filme: ENCANTES - Histórias de Laranjal do Maracá
Diretor: Cassandra Oliveira
Ano: 2015
Duração: 20’
Origem: Macapá - AP
Classificação: Livre
Sinopse: Seu Raimundão guarda as memórias do trabalho que fez nas cavernas, transportando urnas que tinham a “estatura de um cristão”.  Sabá lembra que quando era criança via muitas “tigelas” na mata, mas não sabia o valor que aquilo tinha. Dona Santinha fala do dono do “Buração” e dos encantados de um lugar “misurento”. Enquanto estes personagens contam suas histórias, memórias e lendas, a vida da comunidade de Laranjal do Maracá, no sul do Amapá, segue mesclando a relação material com as cavernas do entorno da comunidade, que ainda guardam objetos arqueológicos, e a reprodução simbólica dos seres encantados que habitam estes lugares sagrados.

Horário: 21h45
Atração musical: RELATOS DE RUA
SERVIÇO:
XII FIM - Mostra Fôlego!
Dia: 03 de dezembro
Horário: 19h40
Duração: 125’
Local: CDC Azevedo Picanço
Classificação: 16 anos






Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...